23/11/2017 - Atualizado em 28/11/2017
Associação terá usina fotovoltaica

Sistema de captação de energia solar trará economia de 40% na conta de ‘luz’

A Apcef-SC terá uma das maiores usinas fotovoltaicas de Florianópolis. Com a instalação dos equipamentos, que deverão estar em funcionamento em até 90 dias, a associação terá uma redução de 40% nas despesas de energia elétrica. A implantação será realizada por meio de adiantamento de receita, no valor de R$ 375 mil, pela Fenae. O retorno do investimento se dará em até oito anos e o valor economizado será revertido em melhorias na sede, incluindo a construção dos novos prédios.

O contrato foi firmado no dia 22 de novembro, com a ENGIE, empresa que está presente em 70 países e maior produtora independente de energia do mundo. “Importante salientar que não desembolsamos nenhum valor com a implantação do sistema. Ou seja, não haverá chamada extra aos associados, para esse investimento”, destacou o diretor-presidente da Apcef-SC Marco Zanardi ao apontar a sustentabilidade e economia como fatores significativos para a modernização da sede. “Com boa gestão temos realizado todas as obras sem chamadas extras”, completou.

O sistema de geração fotovoltaico terá 318 módulos, de 270W cada, que serão instalados sobre o telhado da arena esportiva, distribuídos sobre uma área de 520m² do local. A potência instalada será de 84.9 kWp, com capacidade de geração média de 104,40 MWh ano.